Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos - SMASDH
João Mendes se encontra com ministro do Desenvolvimento Social em busca de recursos

21/06/2018 13:21:00


Secretário da SMASDH se reuniu também com o diretor de Articulação do Ministério da Justiça, Gustavo Camilo

 

O secretário da Secretaria Municipal de Assistência Social e Direitos Humanos (SMASDH), João Mendes de Jesus, viajou a Brasília, quando se encontrou com o ministro do Desenvolvimento Social, Alberto Beltrame, e com a secretária nacional de Assistência Social, Maria do Carmo Brant.

 

Na reunião, João Mendes se comprometeu a dar continuidade aos programas financiados pelo Governo Federal, porque, segundo o secretário, a captação de recursos oriundos da esfera federal é essencial para que programas importantes, a exemplo do Programa Emergencial de Ações Sociais para o Rio de Janeiro, tenham o mínimo de verbas para serem efetivados.

 

"O programa é muito importante e atenderá às comunidades de Vila Kennedy, Alemão, Maré, Complexo do Lins, Cidade de Deus, Complexo da Pedreira e do Chapadão. A finalidade é que as atividades não fiquem paradas e, com efeito, prejudique a situação de pessoas que são atendidas, pois a intenção é que elas que consigam a reinserção social e, por conseguinte, transformem-se em cidadãs produtivas, com condições de vida dignas da pessoa humana" — afirma João Mendes de Jesus.

 

Crianças — O secretário também tratou do Programa Criança Feliz, que prevê o atendimento a 4.700 crianças de 0 a 6 anos, juntamente com suas famílias. Além disso, João Mendes falou ao ministro Alberto Beltrame sobre o reordenamento e a municipalização do Abrigo Cristo Redentor, além de asseverar à autoridade que o fortalecimento das ações do Programa Progredir é essencial, porque valorizar e dar condições à população vulnerável fará com que ela ingresse no mercado de trabalho e comece a transformar sua vida, inclusive por meio do empreendedorismo.

 

No Ministério da Justiça, o secretário João Mendes se encontrou com o diretor de Articulação, Gustavo Camilo e sua equipe. O encontro serviu para repactuar com a instituição o prazo para execução do projeto de acolhimento para mulheres gestantes que fazem uso abusivo de drogas, nas cenas de uso da cidade.

 

"Trata-se de tragédia social que precisa ter o investimento necessário, porque a questão de mulheres grávidas que usam drogas causa impacto na sociedade, que precisa proteger seus cidadãos. Não é admissível que possamos viver em paz e com a consciência tranquila sem cuidarmos de problemas tão complexos e que causam dores e prejuízos às pessoas envolvidas, às suas famílias e à sociedade em geral" — diz João Mendes de Jesus.

 

O secretário informou ainda que ainda tratou de questões sobre outros programas da SMASDH, além de ter se compromissado em reativar as atividades, mesmo com a crise pela qual passa o País, com orçamentos pequenos, mas com muito empenho, determinação e criatividade por parte os servidores envolvidos com os programas.

 

"Vamos dar continuidade aos programas a respeitar o orçamento e a trabalhar com determinação. Os programas são essenciais e a assistência social e os direitos humanos são pilares inalienáveis de qualquer sociedade que deseja ser civilizada. A viagem a Brasília foi útil e a recepção do ministro Beltrame foi a melhor possível, porque também interessado em resolver os problemas" — conclui João Mendes de Jesus.

 

   

 

Coordenação de comunicação da SMASDH




Serviços Serviços